31 outubro 2006

SEMOS SELVAGENS!


AQUI A TRUDITA TEM ANDADO SUMIDA. Mais uma vez a aquela coisa que dizem da teoria da conspriração... É que tem sido um entra-e-sai, um entra-e-sai que se eu num fosse tã belha inté pensava o mesmo que vóis tois a pensar!!!
Depois de ter saído do asilo (por motivos que inda num sei mas que tumbem num interessam porque eu queria era tar cá fora), FUI PARAR À PRISÃO!!!
O madito pai do Zézé Camarinha nunca me aperdoou eu ter fugido coma cinta forrada de pedrinhas e fez queixa de mim por tráfico de estúpifacientes. Pra quem num souber da história e quisere saber clique
  • pra saber da bezerrice que me aconteceu com o malvado do Camarinha belho
  • e se forem tã curiosos com a eu, depois vejam o que fiz pra me
  • vingar bem vingada e ainda ganhar uns eurios
  • .
    Eu cá digo-vos que na prisão num se tá nada mal!!! Atão temos cama, roupa lavada, comidinha feita a horas (e enfartava bem), tlevisão pra ver as novelas, jogávamos á bisca e á sueca a dinheiro e eu inda consegui vender umas pedritas de xámon que tinham sobrado e ganhei uns bons trocos e assim até dava pra mandar vir uns garrafões de tinto ao Gesvásio que tambem vendia ao copo de três e inda ganhava mais! Aquilo da prisão é uma máquina pra se fazer dinheirinho!!! A parte chata era umas cavalonas que lá andavam que me gostavam de apalpar as mamas e o rabo, mas lebaram umas sôlhas nas bentas e nunca mais me chateram!
    Atão tava eu tão bem na prisão e afinal prenderam foi o Camarinha belho e botaram-me cá fora assim sem mais nem menos!

    E JÁ VAI UMA ENTRADA E UMA SAÍDA.

    Óspois a velhaca da Natércia da venda das hortaliças que sempre teve inveja da minha saída com os homes vai e faz queixa à polícia porque eu andava metida na prostituição!!!! Xibou-se toda que eu tinha a casa cheia de homes e que os emprestava a troco de dinheiro - bem, a ideia andava cá a fermentar-me na cabeça, mas eles eram tão apetitosos que eu nunca emprestei nenhum, só me vi livre do Jorge Cluni porque num tava pra sustentar burro a pão de ló (bjinho Gotinha e bem-hajas!)
    A polícia volta lá casa.
    O caso foi que eu tinha saído da prisão e tinha saudades, muitas! da boa vidinha que lá levava. Fumei o xámon todo da reserva e desbastei os garrafões do Gesrvásio. Queria esquecer com drógas e bubida! Os homes desandaram todos (porque eu já nem lhes dava de comer nem dormia com eles) e os meus neurónios fritaram a modos que os homes já lá num tavam mas eu via-os em todo o lado: pindurados nos cadeeiros, no bidé, no frigorífico, no pasto das vacas, no galinheiro, nos armários da cozinha...
    Atão a polícia foi lá a casa mas num encontrou nenhum home, mas encontrou-me a mim aos berros que tava a modos de farta deles e que havia homes por todo o lado e que eu só queria sossego...
    Atão a polícia chamou a carrinha com os homes de branco e botaram-me no MANICÓMIO!

    E VAI MAIS UM ENTRA!

    E voltaram os bons tempos! Divertia-me muito com aquela gente que dzia coisas com muita graça, e tambem ria muito por causa dos comprimidos que eles me davam prá sossega, mas já sabem, o resultava era oposto e lá andava a Trudita toda nua de cuecão enfiado na cabeça. À conta disso tive muita saída com os homes e havia-os lá bem jeitosos! E fiz umas amigas muito especiais: estas três chinocas da foto que a modos que eram siamesas (eu achava que eram chinesas) e dziam elas que foi uma desgraceira terem-nas separado (eu num entendi porque a modos que elas tavam lá as três juntas no manicómio). Elas gostavam muito das minhas brincadeiras e deixaram-me tirar esta foto pra mandar prós pais delas porque parece que na China eles vivem pra lá dos 120 anos!!!
    Mau foi quando me tiraram os comprimidos pra ver como eu ficava, e eu feita bruta fiquei NORMAL!
    E lá me botaram na rua outra vêz!

    E VAI MAIS UM SAI!

    Agora tou catita!
    Continuo com saudades da prisão e das chinesas (ou siamesas) do manicómio.
    Mas digo-vos do fundo do mê coração:
    A idade tá na cabeça!
    E só tá morto quem num tá vivo!
    Toca a aproveitar a vidinha, e já agora, sempre que ouvirem a música "Bórne Tu Bi Uáilde"
    lembrem-se aqui da vossa amiga Trudita.

    Bjinhos

    22 setembro 2006

    E PARA MIM FOI DUPLA VENDETTA

    Pois se os amigos tiveram o cuidado de ler as conspirações das sobrinhas-netas, repararam que a minha é uma valente sonsa, porque dava conselhos mas não se descosia.
    Ela foi minando devagarinho... primeiro foi-me enchendo a casa de homes um a um, que eu tive uma trabalheira pra me ver livre deles.
    Depois punha água no vinho tinto do Gesvásio e se há coisa que me faça mal é ÁGUA! Eu já andava a alucinar sem saber porquê!
    Vai numa noite e enche-me a casa de homes vestidos de branco. Ora eu já num andava a bater bem por causa do tinto com água, e óspois inda vejo aquelas ALMAS-PENADAS!
    Se tivessem aconchegadinhos na caminha e vos desse a sede e mesmo assim fossem molhar as beiças com o vinho marado e de repente só vissem homes de vestidos de branco a andar que pensavam????
    Caguei pró que vocês pensam!!!!
    EU CÁ PENSEI QUE TINHA MORRIDO E TAVA NO CÉU COM ANJOS POR TODO O LADO!!!
    Fiquei ali sentada no chão a babar-me e de olhos arregalados até de manhã quando a velhaca da minha sobrinha-neta chegou com a assistente social para me meter no ASILO!!!! Eu bem berrava que estava no céu, mas a verdade é que os anjos tinham desaparecido todos!!!!
    Lá fui eu para o ASILO onde me davam uns comprimidos que me fizeram o efeito contrário, e óspois de eu andar por ali toda nua de cuecão enfiado na cabeça a cantar a música da Floribela, lá telefonaram à minha sobrinha-neta para me ir buscar e para pagar os estragos (!!!!!)
    Só sei que ela foi muda e quêda até minha casa, largou-me lá e agora anda às avessas comigo.
    Que estragos foram é que eu nã sei porque aqueles comprimidos deixavam-me muito contente mas numalembrava de nada!
    Mas parece que depois desta a minha sobrinha-neta nã ficou lá muito boa da cabeça...

    E A MARCOLINA JA AS PAGOU!!!

    Marcolina das Dores said...
    Ontem a minha sobrinha lebou-me a um sitio onde os homes se despem, é ... E eu cá gostei munto.
    Aquilo é que era rapazes bonitos lá (melhores até que o Marquito), eles dançam e despem-se ao mesmo teimpo, eu nunca tinha bisto nada igual melher. Mas ás taintas aparece lá um a meter-me a mão p'la saia a cima e a despir-se pra mim. Epá subiram-me cá uns calores sabes lá, comecei a ficar entusiasmada e mandei-me pra cima dele claro ! E já o ajudava a despir também pra poupar teimpo. Tirei rápidameinte o meu xetien 46 e aqui bai disto, dei-lhe com as mamas na testa e ele desmaiou o pobre. Mas as pessoas não perceberam que foi xem querer e chamaram a polixia e olha eu e a minha sobrinha fomos para à esquadra tssssssssss !
    A minha sobrinha só bufaba das beiças e eu quilhei-me que tibe de ir dormir a casa dela de castigo e já num pude ir beber o meu chá frio (a binhaça do Gervásio) antes de dormir.

    MARCOLINA: AS NOSSAS SOBRINHAS-NETAS ANDAM A FAZER-NOS A FOLHA!!!

    AVISARAM-ME MAS JÁ FOI TARDE... LIXARAM-NOS ÀS DUAS FOI O QUE FOI!!!
    EU VOU TRANSCREVER A CONSPIRAÇÃO DAQUELAS DUAS MALVADAS:

    Maria Vinagre said...
    METESTE A DESGRAÇADA DA MARCOLINA OUTRA VEZ NO MANICÓMIO????
    Qualquer dia a pobre da velha tem lá um lugar cativo e aposentos privados!
    Tem algum mal ir de parapente até á Madeira???
    Pior é a Gestrudes que anda a fazer SURF e a engatar tudo o que é surfista!!!
    Agora se ela tem aquele bigode, imagina-a em fato de banho, as virilhas e as pernas parecem a floresta da Amazónia!!!
    E pior, chamou-me destrambelhada e ofereceu-me porrada!!!!
    AH, A p*** DA VELHA TAMBEM ANDA NO KICK-BOX, POR ISSO PORRADA DELA É COISA SÉRIA!!!

    BitchSand said...
    Eu tentei sabes Vinagreta ... Mas a desgraçada conseguiu escapar de novo ...
    Então apanhaste à seria da Trudita ? Lol A minha tia ao menos não lhe dá pra essas violencias e sabes porquê ? Todos os dias lhe ponho Xanax no chá para ela ficar mais calminha e mesmo assim é o que se vê ... Só espero k a esta hora não esteja a caminho da Madeira !

    Maria Vinagre said...
    TU SABES ONDE ELA ESTÁ?
    NA SACRISTIA!!!!
    Olha, mais vale interná-la de vez na ala dos malucos psicopatas.
    A velha Marcolina anda de gatas a lavar o chão da sacristia só para espreitar as sacanices que por lá se fazem!!!
    E eu não levei porrada da Tia Trudita porque sei parar com a língua a tempo antes de ela me acertar com aquela mão-de-pá no cachaço!
    Xanax tomo eu todos os dias e olha que não me dá para dormir. Mais vale pores 601 forte no chá da Marcolina, mas pela má rêz da velha inda lhe dava era uma caganeira em vez de bater a bota.

    BitchSand said...
    Quê ? Na sacristia ? Ah agora entendo ... Ela disse-me que andava a farejar um local de deboche ... E que ainda ia conseguir apanhar a Trudita a lavar os dentes no copo do vinho lá da Igreja.
    Bem ... 605 forte até que já experimentei nela, mas não faz efeito é como se fossem os espinafres do Popeye, ela fica com mais energia ainda. Aliás, ela ficou fã dos meus chás com essas tentativas. Da 1ª vez disse-me que o chá que lhe fiz era muito bom porque lhe matou as lombrigas todas que tinha. Da 2ª vez arrotou tanto que matou as aranhas e as baratas todas lá de casa !
    Da próxima vou tentar dinamite e depois dou-lhe um cigarro, que achas ? Tentar não custa o que custa é mata-la mesmo !

    Maria Vinagre said...
    HAHAHAHAH
    A VELHA MARCOLINA É CARNE-DE-PESCOÇO!
    Mas que fixação tem ela na Trudita???
    Sabes o que te digo? Mais vale mandar as duas juntas para a prisão, é que mais nínguem queria ir parar lá, e os níveis de delinquência baixavam logo!
    E eu já esperava esse efeito do 605 forte nela porque tambem já tentei na Trudita e o resultado foi o mesmo. Se calhar conseguíamos dar cabo das velhas com um simples cházinho de tília... elas não estão habituadas!
    Dinamite é mau pensado, a velha peidava-se e eras tu quem ia desta para melhor!
    Besos

    BitchSand said...
    Maria DESCOBRI !!!
    Já sei qual vai ser a próxima tentativa ... Vou leva-la à Passerelle ;o) A velha tarada sofre do coração. Acho que não vai aguentar ver um strip masculino. Por via das duvidas vou-lhe pagar uma tabledance com o menino que ela mais gostar. Com tanto roça roça na velha ela ha-de dar o ultimo suspiro ;o) E vai morrer FELIZ !

    Maria Vinagre said...
    Bitcha: isso dizes tu com os nervos! Paga-lhe uma tabledance paga, depois dizes que foste à falência (porque ela vai ameaçar-te que quer todas as danças com todos os moços senão deita fogo ao tasco), e ainda passas a maior vergonhaça (porque ela vai-se excitar e desatar a uivar e a fazer aqueles truque com a dentadura em que a cospe para o ar e a enfia de novo com a boca escancarada), e no fim vão parar as duas á prisão (por atentado ao pudôr, porque a velha vai estar tão excitada que vai ficar nua e tentar-se enfiar de para-choques no primeiro striper que apanhar a jeito). Tu não te desgraces!!!

    BitchSand said...
    Olá Maria,
    tinhas razão ... snif !!!
    Ontem levei a tia Marcolina à passerelle ... E para além de ter ficado sem metade do meu ordenado a pagar-lhe tabledances passei uma vergonha daqueas a que ninguém nunca deve estar sujeita durante a vida inteira ... A velha ficou com o pito aos saltos e deixou o place em estado de sitio. Também só o deixou quando apareceu a policia. Acabei a noite da esquadra da Estefânia grunf !

    Maria Vinagre said...
    Detesto dizer isto:
    EU BEM TE AVISEI!

    O que esperas tu da velha Marcolina??? Ela vai durar até aos 200 anos e ainda te há-de fazer o funeral!

    13 setembro 2006

    UMA PRENDA PRA MARCOLINA


    MARCOLINA, SÓ PARA TE AVISAR QUE ENCONTREI O BRÁDE DAS PITAS!!! SABES ONDE?
    Este estafermo estava fechadinho no meu guarda-roupa como as TRAÇAS!!! MALVADO!
    O DESGRAÇADO DO HOME ESPRIMENTOU A MINHA ROUPINHA TODA!!!!
    Como tinha lá a máquina digitale que o Gervásio esqueceu lá em casa, tirei uma photographias só pra tu veres como foi verdade!
    O home já deve é andar fartinho da Angela Jóli, porque disseram-me que é ela quem usa as calças e o põe a lavar a louça, a fazer o comer, a dar o biberão à miuda e até a trocar as fraldas borradas. Oras asim um home num se sente macho!!! Se a gaja só falta é mandar o Bráde dar de mamar á miuda!!! Se calhar inté já mandou porque parece que ele apanhou o gostinho de se vestir de gaja!
    Tás a ver Marcolina!!!! Óspois uma melher já num sabe quem é gajo e quem é gaja!!!
    Mas este marafado tinha que ir à minha roupinha que tava na naftalina que até era a roupa de andar nos engates e de ir à discoteca?
    E a cena que ele fez? Chorava como um bezerro desmamado quando eu lhe aviei uma sapa nas bentas e lhe disse pra se portar como um home! Nã sei se foi isso ou se foi por eu ter berrado com ele pra me devolver os meus vestidinhos da moda.
    Digo-te Marcolina, esta casa anda assombrada, já encontro home em tudo o que é canto!!!
    Agora tu queres o Bráde das Pitas armado em mariconço? QUERES? QUERES? AI QUERES MESMO?

    ATÃO LEVA-O PRA BEM LONGE DOS MEUS VESTIDOS!

    12 setembro 2006

    MAIS UMA DA MARCOLINA DAS DORES

    A Marcolina que é viúva, mas à conta dos comprimidos pensa que é solteirona, descobre que uma amiga, a Ambrósia, ficou grávida só com uma oração que rezou na igreja duma aldeia perto.
    Acontece que a Ambrósia que é a gaja contente da foto já tinha idade para ser bisavó e não mãe!)
    Uns dias depois, a Marcolina cheia de fogo e consumidinha pela curiosidade que ainda a há-de levar prá cova, foi a essa aldeia e diz a Marcolina para o Padre:

    Marcolina: Bom dia Padre.

    Padre: Bom dia minha filha (o padre já devia ter esvasiado o vinho da sacristia pra tar a chamar filha à múmia da Marcolina). Em que posso ajudar-te?

    Marcolina: Sabe Padre, soube que uma amiga minha, a Ambrósia, veio aqui e ficou grávida só com uma Ave Maria.

    Padre: Não minha filha, foi com um Padre Nosso mas já o despedimos!


    Moral da história: cada um sabe de si e Deus de todos!

    11 setembro 2006

    OU COMPRAM, OU LIVRO-ME DELE!!!!

    Estou farta de sustentar burros a pão de ló. Estas mulheres cobiçam, mas quando chega a altura de avançarem o guito, já nã querem saber!!!

    Mulherio, tenho aqui o Jorge fechado no celeiro. Ele come que nem uma besta. Eu não o posso sustentar.
    Tanta afobação pra dar em nada!!! Vá ofereção euritos como no e-bay e ganha o mânfio a melher que oferecer mais.
    Se ninguém se chegar à frente, JURO QUE O OFEREÇO A UM LAR DA TERCEIRA IDADE!
    NUM ME IRRITEM, QUE A TRUDITA FICA IRRITADA QUANDO TOCA A DINHEIRINHO!!!

    JANTAR ROMANTICO NA NOITE DE SABADO

    Pois se não se aperceberam, aqui a Trudita convidou o Sô António Rosa para uma jantarada na noite de sábado. Ele é um homem muito bem-falante, cheio de galanteio (um verdadeiro gentleman) e aceitou o meu convite. Apareceu-me aqui à minha porta vestido com um fato que até parecia um ministro, e trazia rosas e uma garrafa de vinho muito bonita.
    Aqui a Trudita é do género, "entre e ponha-se á vontade", e atão fomos para a minha salinha da televisão trocar uma prosa, comer uns pratinhos de queijos e enchidos e beber aquele vinho maravilhoso que ele tinha trazido. Aquilo não era nada como os garrafões de tinto carrascão do Gervásio, que inté nos tingem a dentadura de vermenho e depois só sai bem esfregado com uma escova de arame e lixivia. Este era um vinho dos deuses!!! Escorregava na garganta como seda, deixava a barriga e mais abaixo em fogo, as pernas ficavam como gelatina e dava a volta á cabeça de um morto, e aqui a Trudita inda num morreu!
    Eu já fazia olhinhos ao Sô António e gargalhava como uma miúda do liceu cheia de brabulhas.
    De repente, caiu-me o mundo aos pés!!!!
    Entra o Marquito na sala, com os olhinhos a brilhar de alegria e a perguntar se iamos jantar cozido.
    Olhou pró Sô António e juro, até parece que ouvi o Marquito uivar! Foi lá para fora para o quintal e ficou nestes propósitos como está na fotografia: triste e agarrado ao pau!
    Eu Trudita confesso, gosto tanto de animais como de homens. Não para a mesma coisa, embora os animais e os homens nos façam muita companhia!
    Para mim, o Marquito tem assim uma alma de cachorrinho abandonado, e eu quando o vi tão miserável, foi como se tivesse levado com um balde de água gelada pela cabeça abaixo, pois o efeito do bom vinho passou logo.
    Tive de pedir muita desculpa ao Senhor António, e pô-lo porta fora, porque eu conheço o Marquito, e sentido como ele estava, ainda dormia ali ao relento.
    Prontos, eu e o Marquito comemos o cozido que estava bem bom, e fomos para a cama de barriga cheia e a arrotar a chóriço.
    Quanto ao Sõ António, só tenho de lhe pedir desculpas, porque afinal a Trudita tem mais olhos que barriga.

    09 setembro 2006

    OBRIGADA SENHOR ANTONIO ROSA

    O Sô António Rosa deu uma grande alegria à vossa Trudita:
  • Fez um destaque aqui da Trudita no blog dele, o Postais da Novalis

  • Eu fiquei parva de todo, porque este Senhor é culto e educado, enquanto eu sou uma saloia bruta e alarve.
    Mas também fiquei muito feliz, e agradeço de coração e alma ao Senhor António Rosa.

    "Destaques da semana - escrita plural
    com um denominador comum"

    A dificuldade foi seleccionar 7 blogues de uma imensidão.
    O critério foi simples: blogues que não tratassem de
    assuntos políticos ou de actualidade.
    Que fossem blogues com outras pretensões, de maior
    proximidade ao leitor comum, eu, por exemplo.

    Por odem alfabética:
    Astro que Fameja - Chez Maria - Corpos e Almas
    Naturalíssima - O Blog da Tia Cremilde - Rabisco (s)
    Velhos São os Trapos"

    Senhor António Rosa:
    Um grande bem haja
    e um abraço aconchegado

    08 setembro 2006

    PENSAMENTO PARA O FIM DE SEMANA

    A MINHA AMIGA MARCOLINA

    Há dois amigos nossos que são pescadores e irmãos gémeos. O Asdrúbal e o Inácio. O Asdrúbal é casado e o Inácio solteiro. O Inácio (solteiro) tinha uma barca bem velhinha.
    Um dia, a mulher do Asdrúbal morre. E como desgraça nunca vem só, a barca do irmão Inácio afunda-se no mesmo dia.
    A Marcolina das Dôres que é uma carcaça-velha, curiosa e cuscuvilheira, soube da morte da mulher, e resolve dar os pêsames ao viúvo (para acautelar já o lugar dela, não fosse o homem decidir casar-se outra vez). Mas confunde os irmãos, e acaba falando com o outro, o que perdeu a barca (o Inácio).
    - Marcolina: "Eu só soube agora... Que grande perda. Deve ser horrível para vomecê."
    E o pescador (o Inácio), sem entender de que estava a Marcolina a falar, foi logo respondendo:
    - Inácio: "Pois é! Eu estou de rastos! Mas é preciso ser forte e enfrentar a realidade. De qualquer modo, ela já estava bem velha. Tinha a traseira toda arrebentada, fedia a peixe e metia água como nunca vi. É verdade que ela tinha uma grande racha na frente e um buraco atrás e que, cada vez que eu a usava, o buraco ficava maior... Mas eu acho que o que ela não aguentou foi que eu a emprestava a quatro amigos que se divertiam com ela. Eu sempre lhes disse para eles irem com calma, mas,desta vez, foram os quatro juntos e foi demais para ela."
    A Marcolina fofoqueira desmaiou pela primeira vez na porca da vida dela!

    E toma lá sua velha cusca-desimbestada que tens sempre a mania de te meteres onde nã foste chamada!!!

    OS HOMENS DA TRUDITA


    A vossa amiga Trudita não esteve parada. Andei nas obras a observar os jovens mais girinhos. Encontrei este cinco para começar o negócio. Eles aqui estão sem roupa (os desavergonhados), mas é por causa dos calores e de terem de martelar e carregar com pesos.
    Senhoras, se não têm companhia para o cinema, ou se têm as canalizações entupidas, é só escolher.
    A revista Cosmopolitan elegeu estes 5 rapazinhos saudáveis como os cinco melhores modelitos. Se não gostarem, o problema é vosso!
    DESLARGUEM-ME É O MARQUITO!!!